Arquivo da tag: MPB

João e Lobão

Eu amo João, mas ele é uma unanimidade. É como achar o Brad Pitt bonito. Não tem jeito, todo mundo acha: homem, mulher, criança, até as borboletas e as minhocas se pudessem vê-lo.

Mas o João Gilberto foi o responsável por me ensinar a sua versão de uma das primeiras musicas ditas infantis que eu amei : Lobo Bobo (de infantil não tem na-da! ). E foi por causa dele também que criamos, lá em casa, o primeiro dueto meu e da minha irmã: Chega de Saudade (que a gente cantava a pedido da família, especialmente do papai.). Daí, além de todos os adjetivos atribuídos a ele pela maioria,  João virou parte da minha história…

Hoje, desavisada,  eu ouvi mais uma vez, essa versão dele pra uma musica que eu já amava, do Grande Lobo (Me Chama). E fiquei passadinha, mudinha, completamente embalada pela voz suavíssima, pelo violão minimal, pelos versos…

Fiquei matutando:  como é que o rock e a MPB, dois conceitos tão diferentes, encontraram nessa gravação uma simbiose tão perfeita?

Não é que tudo nessa vida é o jeito de fazer?

A gente aprende com tudo quanto é coisa, quando quer…

Ouçam:  

Anúncios

Bítufo! … Ou as delícias de ter um filho adolescente

Meu irmão Pedro hoje mora comigo. Meu sobrinho Davi, de 3 aninhos, dorme aqui com ele de 5ª a domingo – semana sim, semana não. E todos os produtinhos infantis que já haviam deixado de existir nessa casa, voltaram a ocupar a bancada do banheiro, o box do chuveiro, mamadeiras na cozinha, copinhos com biquinhos, mini roupinhas nos varais… E eu acho uma delícia!

Vai daí que meu filho mais velho, Victor (15 anos)de repente me diz hoje:

“My mom is bítufo”!

E eu, enternecida pela raridade e espontaneidade do elogio, muito doce e sorridente, emocionadinha da silva, respondo:

Obrigada, meu amor! Mas é “bíutiful” que se diz.

E ele com a maior cara de canalha do mundo me aponta isso e cai na gargalhada:

…eu me-re-ço!

***
35ºC

+

13% de “humildade relativa”*
_____________________
Indolência da pleura!

***

Assisti NOEL, poeta da Vila. Delícioso! E é emocionante ver tanta gente boa junta: ele, Cartola, Ismael Silva, Francisco Alves, Wilson Simonal, Aracy de Almeida…
O ator que faz o Noel (Rafael Raposo) é inacreditável!
E ainda tem Tia Surica, Henrique Cazes, Zé da Velha e Silvério Pontes e taaantos outros craques da nossa música.
A melhor cena do filme é dele cantando “Último Desejo” pra Ceci- Camila Pitanga, aquela moça que além de tudo é feinha, sã?
Vá ver!

***

*update: acabaram de me dizer que no Saara dá 12%. Tamos beeeem!